sexta-feira, 31 de março de 2017

Jéferson quer a artilharia do campeonato. Novo goleiro já a caminho.


Artilheiro Jéferson diz que quer a artilharia, já é o artilheiro isolado com 4 gols, mas, quer mais, disse que passou 3 anos esperando jogar no Mais Querido e conseguiu, agora é dedicação e empenho que vai conseguir seu propósito.


Amanhã em Manacapuru quer aumentar sua marca e dar a vitória ao Naça, quer sair de lá com os 3 pontos na bagagem.

O novo goleiro nacionalino já está a caminho de Manaus, ainda não podemos revelar seu nome para não atrapalhar as negociações, tem um bom currículo, resta saber se é mesmo bom embaixo dos três paus.

Jogou fora do país por um bom tempo e foi bem lá, foi titular, sinal de que promete, o Nacional está mesmo precisando de um bom goleiro, achamos que na segunda-feira deverá ser apresentado.

quinta-feira, 30 de março de 2017

Novo goleiro.

Dada a fragilidade dos goleiros nacionalinos, os quais não tem condições nenhuma no momento de serem titulares do time, foram inúmeras falhas, que vieram a prejudicar um melhor desempenho do time.

O time precisa de um goleiro urgente, e provavelmente no início da próxima semana estará em Manaus.

A partida em Manacapuru está marcada para as 16h, é possível que a TV puxe para as 15h.

Empate injusto.

Amigos.
Pedimos desculpas pela ausência, é que estivemos fora dor ar nesses dois dias. 

Nacional gol contra o Penarol (Foto: Marcos Dantas)
O jogo de ontem contra o Penarol, na nossa opinião, foi o melhor jogo dos quatro realizados, o time jogou pra frente, apesar de o Penarol ter feito seu gol em um contra ataque, o Nacional não se abalou, continuou seu jogo de pegada e esperou as falhas do adversário. 

Foi muito superior ao Penarol, injusto o empate, pelas inúmeras chances perdidas.


Foi avançando aos poucos e aumentando o volume e a velocidade do jogo, através do bom meia Paulo Roberto, que comandou o time em jogadas rápidas, deu dois chutaços, um na trave e outro que desviou e passou rente ao poste esquerdo do goleiro do Penarol,  

Tabelou bem com Jéferson, ouro destaque do time, marcou um golaço de letra empatando o jogo e perdendo outras duas chances de marcar, Alan Bahia também carimbou a trave em linda cobrança de falta com a bola batendo no travessão e em cima da linha.

O Nacional continua líder e sábado em Manacapuru contra o Princesa, irá manter a liderança com uma grande vitória.


segunda-feira, 27 de março de 2017

Trabalho tem dado certo.

O técnico do Nacional Arthur Bernardes, tem trabalhado muito o conjunto da equipe, os passes, o posicionamento da equipe.

O resultado disso, são as três vitórias seguidas no campeonato, é claro que embora com a fragilidade do time, entraram dois fatores importantes no contexto, a sorte, a vontade e a entrega da equipe durante as partidas.

O Clube vive um momento não muito bom financeiramente, porém tem sabido administrar a situação.

Rio x Nal na Arena dia 08/04.
É bem provável que a TV A Crítica venha a puxar o jogo para o dia e horário que ela quiser, afinal, ela contribui para bagunçar o campeonato sempre, é esse o propósito. O que vale pra eles é o peladão, que não leva a nada.

Salão social do Clube.
Informamos que encontra-se em fase de pintura e logo estará a disposição para os eventos.

Quem estiver interessado em fazer sua festa de aniversário, casamento, ou outro evento compatível com o espaço, o Clube aluga, com ou sem bufê.
Possui amplo salão e salão de brinquedos fantástico, diversos brinquedos, escalada etc.
Podem entrar em contato por este site ou na secretaria do Clube.

Ai algumas fotos.



domingo, 26 de março de 2017

Naça foca o Penarol.

Nacional foca no Penarol na quarta-feira 29, o jogo será no estádio Carlos Zamith.

Apesar de estar de preto, o técnico nacionalino Arthur Bernardes tem feito um bom trabalho à frente do time, tem posicionado bem o time e feito boas mexidas, parabéns, esperamos que ele esqueça essa cor nos próximos jogos e use azul, que é a nossa cor.

O time além de vencer as três partidas de virada, ainda está invicto, bom retrospecto para um início de competição. Pra cima do Penarol então, o Leão da velha serpa vem querendo surpreeender, é bom ficar atento. 

Vejam que o Rio Negro que vinha como líder absoluto, tropeçou diante do Holanda, olho vivo...

Naça acaba com a banca do Fast.

Pois é amigos.

Nacional e fast (Foto: Gabriel Mansur)Apesar de a torcida não ter comparecido em maior número, como no jogo contra o Manaus F.C, o Nacional venceu o Fast por 2x1, foi um jogo igual, o time nacionalino esperou o Fast até o meio campo, para então sais nos contra ataques, a tática surtiu efeito, apesar de o Fast ter aberto o placar com Tiago Brandão escorando de cabeça um cruzamento de Railson aos 32 minutos do tempo inicial.

O empate não demorou muito, numa estocada pela direita, Peter cruzou e Alexsandro também de cabeça empatou o jogo.

No segundo tempo, o Nacional continuou com seu jogo de espera, só indo na boa e foi justamente numa dessas escapadas que Romarinho viu o zagueiro Vítor na área e cruzou, o zagueiro testou e botou no barbante, estava selada a vitória do Mais Querido.

Que até agora não vê ninguém à sua frente, é líder isolado do barezão com 100% de aproveitamento, 3 jogos, 3 vitórias, 9 pontos ganhos contra 7 do segundo colocado, o Galo, que tropeçou diante do Holanda, empatando em 1x1.

sábado, 25 de março de 2017

Naça despacha Fast.

Por 
Manaus, AM

O Nacional segue com 100% de aproveitamento no Campeonato Amazonense. Neste sábado, a equipe venceu o Fast, até então vice-líder, por 2 a 1, no estádio Carlos Zamith, o Coroado, em Manaus. Mais uma vez, o Leão venceu de virada. Alexsandro, na primeira etapa, e Victor, no segundo tempo, marcaram para o Naça. Thiago Brandão descontou para o Tricolor de Aço. 
Com o resultado, o Nacional chega aos nove pontos e assume a liderança isolada do Campeonato Amazonense. Já o Fast, que estava na segunda posição, cai para terceiro e amarga a primeira derrota. Na próxima rodada o Leão da Vila Municipal encara o Penarol, Em campo, nada mais nada menos que dois times com 100% de aproveitamento. Os números equilibrados foram justificados logo nos primeiros minutos de jogo. Pelo lado do Naça, o treinador Arthur Bernardes mostrou que respeita o adversário na escalação: Cristiano começou entre os 11, formando um 3-5-2, com os laterais com mais liberdade para apoiar. O Fast, no 4-4-2 tradicional, controlava a posse de bola. Diante das propostas de cada time, tudo corria dentro do planejado. Até que Cristiano sentiu e viu Jackie Chan entrar em seu lugar, levando o Naça de volta para o 4-3-3, com dois pontas abertos em cada lado.
Nacional e fast (Foto: Gabriel Mansur)
Com os adversários muito bem postados em campo, o primeiro gol só poderia mesmo sair de bola parada. Melhor para o Fast, que é acostumado a balançar as redes dessa forma. Aos 32, em cruzamento da intermediária de Railson, Thiago Brandão subiu mais alto que todo mundo e abriu o placar. A resposta do Leão veio pouco depois, aos 37, também de cabeça. Curiosamente Alexsandro, o mesmo que xingou a torcida e se retratou logo depois, foi o responsável por igual o marcador após cruzamento de Peter.
Nacional e Fast jogaram na tarde deste sábado, no estádio Carlos Zamith (Foto: Gabriel Mansur)
A primeira vista, os treinadores não quiseram mudar as equipes. Com o mesmo grupo que saiu da primeira etapa, o Naça começou melhor nos primeiros minutos do tempo complementar, tomando mais ímpeto na partida. Mesmo mais ofensivo, o Leão penava para chegar com perigo ao gol defendido por Naylson. Tanto que o primeiro chute veio aos 10, com Thiago Bastos, sem perigo algum ao adversário. Sabendo que o Fast estava pior em campo, Cavalo tentou dar velocidade ao Tricolor: sacou Léo Guerreiro e colocou o velocista Edinho Canutama, aberto na direita, deslocando Robinho para ponta esquerda.

O Naça respondeu com mais uma alteração, teoricamente mais defensiva: o zagueiro Victor no lugar de Alexsandro, que sentiu. Dessa forma, a equipe voltou para a estratégia inicial. 
Depois ainda colocou o estreante no lugar do apagado Alan Bahia, mas nada que mudasse o cenário truncado da partida. Quando o duelo parecia que ia ficar nessa constância até o fim, eis que mais uma bola parada deu a virada ao Naça. Dessa vez, Romarinho, que por pouco não foi substituido momentos antes, viu Victor em boas condições dentro da área e cruzou. O zagueiro pulou bem e marcou: 2 a 1.

Com a vantagem, o Naça passou a jogar com inteligência. Se defendia bem atrás e saía com velocidade no contra-ataque. O time ainda foi ajudado com as mudanças do Cavalo, que retirou André Luis e Emerson e ficou sem força nas laterais. Foi dessa forma que o Naça segurou a vitória, mais uma de virada, até o fim.
Por. Globoesporte.com

sexta-feira, 24 de março de 2017

Ex jogador do Bahia, é o novo atacante do Naça.

Resultado da imagem para Paulo Roberto jogador de futebolPaulo Roberto tem 28 anos e passou por Bahia-BA, onde iniciou, Fortaleza-CE, Joinville-SC, Paraná-PR, Botafogo-SP, Gama-DF, dentre outros. Neste ano, o jogador estava no Castanhal-PA na disputa do Campeonato Paraense.

Esperamos que venha para fazer os gols perdidos por Juninho Bolt e cia. Ao lado de Jéferson, terá a chance de mostrar suas qualidades de artilheiro.
carlos daniel (Foto: Divulgação/Arquivo pessoal)Carlos Daniel ainda é um garoto e sem experiência, o clube carece de um jogador com mais cancha, mais vivência, tem a mesma idade do goleiro Azize, que veio aventurar aqui. Tomara que tenha sorte e ajude o time a ganhar o campeonato. 

O meia, revelado pelo Botafogo, em 2013, consta no BID da CBF desde esta quinta-feira. Ele chega para disputar posição com outros jogadores, como, Romarinho e o volante Alan Bahia, além do atacante Jackie Chan, que costuma jogar improvisado no setor. 

Naça tem o artilheiro.

24/03/2017 09h15 - Atualizado em 24/03/2017 09h15

Gols do Barezão #1: Jefferson faz dois e pula na frente na briga pela artilharia

Atacante do Naça e artilheiro da edição 2016 do Barezão decidiu contra o Holanda e foi pro topo da lista de goleadores. Marinho (Holanda) e Arhur (Rio Negro) estão na cola

Por 
Manaus, AM
Após a segunda rodada do Campeonato Amazonense 2017, Jefferson, atacante do Nacional, despontou na artilharia, com três gols marcados. O centroavante foi o artilheiro do Barezão em 2016, quando jogava pelo Princesa. Após marcar no primeiro jogo, ele havia sido ultrapassado por Marinho, do Holanda e Arthur, do Rio Negro, que marcaram dois gols em seus respectivos jogos, mas voltou ao topo da lista.
Nacional e Holanda Campeonato Amazonense (Foto: Marcos Dantas)Nacional e Holanda Campeonato Amazonense (Foto: Marcos Dantas)
Após o jogo contra o Holanda, vencido pelo Nacional, no qual Jefferson guardou duas bolas na rede, ele comemorou a artilharia, dizendo que seu desempenho individual está diretamente relacionado com o rendimento coletivo.
- Se eu estiver no topo da artilharia com certeza o Nacional vai estar brigando lá em cima, então tomara que a gente consiga fazer essa troca: o Nacional brigando em cima e se Deus quiser eu conseguir mais uma artilharia - disse.
Outros números
Na segunda rodada foram 11 gols, quatro a mais que na primeira, com uma média de 2,75 gols por jogo, elevando a média do campeonato de 1,75 para 2,25 tentos por partida, com 18 gols marcados em 8 partidas até o momento.

quinta-feira, 23 de março de 2017

Naça de olho no Fast.

O artilheiro quer aumentar a sua marca, quer ser o goleador do estadual.
O Nacional treinou hoje pela manhã, realizou o tradicional técnico e tático, Arthur tem procurado dar velocidade e maior entrosamento à equipe.

Tem dado certo, o time tem se posicionado bem e procurado seguir as instruções do mestre.

Todos sabem que, não é aquele time de craques, com índice técnico elevado, porém o pessoal tem se esforçado.

A melhora é vista a cada jogo, o que não está batendo muito bem, são os goleiros, fraquíssimos pro padrão do Nacional, segundo soubemos, a diretoria está a cata de um goleiro, está negociando.

O ideal seriam dois goleiros de bom nível e isso a diretoria tem consciência e com certeza, vai resolver a situação.

O time enfrenta no sábado as 15h o time do Fast no estádio Carlos Zamith, ingressos a 20 e 10 reais.

quarta-feira, 22 de março de 2017

Naça vira na garra, na vontade... Ao apagar das luzes.

A noite de ontem para o Nacional é para ser lembrada durante todo o campeonato, serviu pra mostrar que todos os adversários se agigantam contra o ele.

Começou o jogo dominando o Holanda, que no início respeitou muito o Leão da Vila pelo peso da camisa e tradição e por ter uma qualidade técnica um pouquinho maior.
Juninho Bolt ainda perdeu dois gols feito na cara do goleiro holandês.
Nacional e Holanda Campeonato Amazonense (Foto: Marcos Dantas)

Num dos ataques nacionalino, houve uma falta na entrada da área, Alan Bahia abriu o placar aos 10 minutos numa linda cobrança. A partir dai, o Holanda em uma de suas poucas investidas, empatou a partida com Marinho, aproveitando a falha do fraco goleiro do Nacional, marcando de cabeça, 1x1.

Nacional e Holanda Campeonato Amazonense (Foto: Marcos Dantas)

No segundo tempo, o Holanda percebeu que o bicho não era tão feio como parecia e partiu pra cima, de tanto insistir, conseguiu seu virar o jogo pra 2x1, dominando inteiramente o Nacional.


Arthur Bernardes vendo a pressão do adversário, fez duas substituições que mudaram a história do jogo.

Colocou Hugo e Jack Chan, o primeiro passou a armar as jogadas e Jack usou seu forte, a velocidade para colocar o time laranja no seu devido lugar.

Na base da garra e da vontade, o Mais Querido conseguiu mudar novamente a cara do jogo. 

Jéferson empatou a partida logo após o gol do Holanda aproveitando cruzamento de Tiago Bastos e empatou novamente a partida. 
Quando tudo parecia caminhar para o empate, o Nacional continuou tentando e ao apagar das luzes conseguiu o gol da vitória, novamente Jéferson, o destaque do jogo, aos 49 do segundo tempo. Hugo e Jack também se destacaram. 3x2 final.

O jogo serviu para mostrar ao técnico nacionalino que Jack Chan e Hugo, não podem estar fora do time, tem tantos ali naquele meio que podem sair para dar lugar aos dois.

Vejam as notas dos jogadores pelo GE.
  

Alexandre (GOL): 5,0


Peter (LAD): 5,0

Vagner (ZAG): 5,0
Jefferson Siqueira (ZAG): 5,0
Tiago Bastos (LAE): 5,5
Alan Bahia (VOL): 6,0
Iuri (VOL): 5,0
Alexsandro (MEI): 4,0
Romario (MEI): 5,0
Junior Bolt (ATA): 6,0
Jefferson Araújo (ATA): 7,0
Diego Soares (MEI): 5,0
Hugo (MEI): 6,0
Jackie Chan (ATA): 6,5



segunda-feira, 20 de março de 2017

Futebol Amazonense continua sua luta.

Jéferson está confiante em uma boa vitória, respeitando os adversários, quer deixar sua marca e se tornar o artilheiro do Campeonato Amazonense 2017.

Para o próximo jogo contra o Holanda, acredita que terá mais sorte, todos os adversários são difíceis, mas, não imbatíveis.
Todos almejam alguma coisa e trabalham com dificuldades para sobreviver no futebol amazonense, para o Nacional, também não é diferente, está na mesma situação que seus adversários, as dificuldades são enormes, a falta de aporte financeiro atingiu a todos.


O governo gasta fortunas com boi e carnaval, nada contra nenhum deles, é a cultura, assim como o futebol o é.
Ediglê Manaus FC  (Foto: Emanuel Mendes Siqueira)A pergunta é. Porque patrocinar futebol beneficente, diga-se José Aldo, basquete etc. Os gastos devem beirar ai uns 8 milhões. Porque não tirar 2 milhões para ajudar o futebol todo ano? Ajuda boi, carnaval e esporte de fora todo ano, porque deixar o nosso futebol de lado? Não dá voto? Claro que dá, é o nosso estado, o Amazonas. Rio e São Paulo tem ajuda de todo lado.
Até o governo paraense, premia seu futebol, por isso estão há anos luz à nossa frente. 

Podem até dizer que a verba não sai do governo e sim de patrocínio, que pegue uma quantia e destinem ao futebol.

Nacional foca jogo na terça-feira contra o Holanda.

Após folgar nesse domingo 19, o Nacional volta-se para o jogo contra o Holanda, terça-feira 21, no estádio da Colina.

Fará a partida principal as 21h com mando de campo do time laranja.

Na segunda o técnico Arthur Bernardes fará um trabalho regenerativo e fundamentos.

Esperamos que a diretoria tenha mesmo contratado alguns jogadores, aquele meio ali, só o Alan Bahia se salva, no ataque Jéferson, que joga isolado e sem que as bolas cheguem nele.

Aquele número 11 não sabe chutar e não tem força nas pernas, o número 10, só tem vontade, e fica por ai mesmo. A zaga precisa ser reforçada, enfim, se reforçarem essas posições, o time vai pra cabeça. 
Até mais...

sábado, 18 de março de 2017

Naça reage e vira pra cima do Manaus.




Numa partida de boa movimentação, Nacional e Manaus F.C fizeram a estreia no Campeonato Amazonense 2017, o primeiro foi do Nacional, onde perdeu algumas chances de gol, o Manaus pouco ameaçou. 
O Nacional que já dominava o adversário, numa jogada dentro da área teve um jogador derrubado, pênalti bem marcado e Jéferson converteu empatando a partida em 1x1, dai pra frente o time azulino partiu pra cima e conseguiu seu segundo gol através de Alexsandro, Binho fez o gol do Manaus.
A partida no segundo tempo ganhou mais emoção com o Nacional sempre pressionando o adversário, mostrando ai, uma superioridade, mas, foi o Manaus que abriu o placar do jogo fazendo 1x0.



Nacional e Manaus Campeonato Amazonense (Foto: Marcos Dantas)O time mostrou evolução do jogo anterior no amistoso contra o Princesa daqui pra frente a tendência é melhorar. O time precisa de um camisa 10 urgente, um lateral esquerdo, que já chegou, mais um volante para ajudar o Alan Bahia, o craque do time no momento e hoje o craque do jogo, um atacante para fazer dupla com Jéferson, também já chegou dois zagueiros, feito isso, é só treinar os caras e por pra jogar. 
Na terça-feira, será contra o Holanda no estádio da Colina as 21h.
Renda. 7.750,00 para um público de 738 e pagante de 696.
Até mais...









sexta-feira, 17 de março de 2017

Naça de olho num lateral esquerdo e um atacante.

Naça contata com 2 jogadores, não temos ainda os nomes, não sabemos quem é, fala-se em  um atacante e um lateral esquerdo, se for concreto, estamos precisando de reforços realmente.

Hoje o time concentrou e amanhã estará pronto para o jogo, esperamos que se dê bem contra o Manaus F.C que também vem treinando muito e importou alguns jogadores.

O time do Nacional tem tido uma boa melhora, no toque de bola, passes fundamentos, vamos ver se colocam em prática no jogo.
Até mais... 




Ingressos à venda.

17/03/2017 18h21 - Atualizado em 17/03/2017 18h22

Ingressos para rodada deste sábado do Amazonense estão à venda na web.

Bilhetes para os três jogos custa R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia-entrada). Rio Negro x São Raimundo, Nacional x Manaus e Princesa x Holanda são as partidas

Por 

Campeonato Amazonense 2017 (Foto: Divulgação)Primeira rodada Amazonense será complementada neste sábado (Foto: Divulgação)
Após o duelo entre Fast e Penarol (vitória Tricolor), na última terça, a primeira rodada do Campeonato Amazonense será complementada neste sábado, com três jogos. Rio Negro x São Raimundo e Nacional x Manaus serão realizados em Manaus. E Princesa x Holanda ocorre em Manacapuru.
Para todos os jogos da competição, os ingressos terão os valores de R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia-entrada). Além de ponto de venda nos estádios, no dia dos jogos, os bilhetes também podem ser comprados pela internet, no site Guichê Web. 
Confira os jogos
Rio Negro x São Raimundo 
Local: estádio da Colina, em Manaus
Horário: 16h
Ingressos
Nacional x Manaus
Local: Carlos Zamith, em Manaus
Horário: 19h
Ingressos
Princesa x Holanda
Local: estádio Gilbertão, em Manacapuru
Horário:16h
Ingressos

quinta-feira, 16 de março de 2017

Naça treinou pela manhã.

Pois é, amigos.

Hoje o treino foi pela manhã e Arthur Bernardes e Rodrigo comandaram um físico técnico com toques de bola rápidos.

Segundo a programação, amanhã treino apenas de manhã novamente, dai em diante é descansar e concentrar para o jogo contra o Manaus F.C.

Espera-se uma boa partida contra o Gavião, falta de treino não é, o time deve e estar afinado e pronto para vencer.
Até mais...

quarta-feira, 15 de março de 2017

Naça mira 3 a 4 jogadores e treina de olho no Manaus.

Nacional de olho em em reforços, é pensamento, segundo o gestor Zé Reis, reforçar o time com novos jogadores, as buscas continuam.

O time treinou hoje à tarde sob o comando de Arthur Bernardes, que realizou treinamento tático e técnico, priorizou as jogadas rápidas e os passes em velocidade.

Até sexta-feira terá definido o time que irá enfrentar o Manaus F.C sábado no estádio Carlos Zamith.

Vamos ver como o time se comporta jogando uma partida completa, diante de um adversário emergente e que almeja uma vaga na final do campeonato. O Manaus F.C que vem lutando ano a ano após sua fundação, chegar a uma final de campeonato.
Até mais... 

Naça faz novo contrato com Jack Chan.

15/03/2017 13h30 - Atualizado em 15/03/2017 13h30

BID denuncia rescisão de Jackie Chan com Naça, e partes citam renovação.

Em justificativa, José Reis afirmou que clube prepara novo contrato para o atacante. Titular em 2017, ele foi expulso em duelo que selou eliminação na Copa Verde

Por Manaus
Jackie chan (Foto: Ennas Barreto/Nacional-AM)Jackie Chan rescindiu com o Nacional-AM (Foto: Ennas Barreto/Nacional-AM)
O BID da CBF denunciou, nesta terça-feira, a rescisão de contrato do atacante Jackie Chan com o Nacional-AM. O gestor de futebol do clube, José Reis, desconsiderou o boletim e afirmou que a quebra no documento é apenas provisória. O atacante, com o mesmo discurso, afirmou que assinou um novo contrato, mas com vantagens.
- Essa informação não é nada demais, rompemos o contrato pois estamos fazendo outro com algumas vantagens para ele (Jackie Chan) - resumiu.
Em 2017, Jackie foi titular nas duas partidas oficiais do Naça, ambas contra o Genus, pela fase preliminar da Copa Verde. No jogo de volta, que selou a eliminação do clube diante de seus torcedores, ele foi expulso ainda aos 37 minutos do primeiro tempo.
O atleta, além de ser um dos únicos amazonenses e remanescentes da temporada passada, é também um dos mais jovens da equipe. Ele acertou com o Leão da Vila Municipal no meio de 2016, após momentos de glória no rival Fast, quando foi campeão estadual e do Norte pela categoria Juniores.
bid da cbf (Foto: GloboEsporte.com)

terça-feira, 14 de março de 2017

Naça treina para a estreia.

O Nacional continua seus preparativos visando a estreia no Campeonato Amazonense contra o Manaus F.C.

O jogo será no estádio Carlos Zamith as 19h.

O time treinou em dois períodos na segunda-feira, fez treino físico e tático, Arthur quer o time afinado para a estreia.

Contratações. 
Até agora apenas Peter foi contratado, segundo o gestor Zé Reis, disse que o Clube deverá trazer de 3 a 4 jogadores para compor o elenco, jogadores de bom quilate técnico para equilibrar o time e fazer frente aos demais.

Na verdade até agora, o que vimos foi um time sem qualidades técnicas suficientes para passar confiança ao torcedor.
Até mais.

Ingressos pela internet.
Assim diz o GE, abaixo.

O campeonato Amazonense deste ano tem uma novidade. O torcedor poderá comprar os ingressos, de todos os jogos, por meio da internet. De acordo com o diretor técnico da Federação Amazonense de Futebol (FAF), Ivan Guimarães, a comercialização será feita por meio de uma empresa terceirizada. 

A venda on line, de todos os jogos, será feita por meio do site Guichê Web. Os ingressos terão os mesmos valores do ano passado, R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia-entrada). Além da venda on line, a empresa terceirizada também venderá nos locais de jogos o ingresso físico, sempre com algumas horas de antecedência. - Tudo é para facilitar para o torcedor. Para dar credibilidade também. A federação está tentando fazer uma mudança. Esperamos que o torcedor acredite mais que a gente pode fazer um futebol melhor - disse Ivan Guimarães.