sexta-feira, 24 de outubro de 2014

C.T recebe areia/adubo.

Hoje o campo recebeu adubo e areia juntos, o objetivo é deixar os buracos todos cheios para então receber o plantio da grama, feito isso o campo ficará em descanso, apenas esperando a grama enraizar.

Com isso, a tendência é uma fixação rápida e consequentemente as chuvas se encarregarão de fazer o trabalho.

Segundo o encarregado das obras, nos próximos dois dias, os buracos estarão todos fechados, ai é aguardar.
Até mais... 

quarta-feira, 22 de outubro de 2014

Danilo Rios se defende.

Triste, Danilo Rios afirma que não fechou as portas para o Nacional-AM

Meia emitiu uma nota em sua página no facebook onde afirma que deixou as negociações em aberto com o clube e que não acertou com nenhuma time para 2015

Por Manaus
O meia Danilo Rios se pronunciou (confira a íntegra abaixo). Após o anúncio da diretoria do Nacional-AM de que o jogador não defenderia o clube no ano de 2015, pelo fato de ''um clube paulista cobrir o que o Nacional está oferecendo'', o ex-camisa 10 do Leão da Vila Municipal esclareceu a situação. Questionado por parte da torcida, Rios admite que houve conversas, no entanto reitera que em nenhum momento fechou as portas para a equipe amazonense.
Danilo Rios Nacional (Foto: Frank Cunha)Danilo Rios foi destaque do Naça em 2013(Foto: Frank Cunha)



- Eles (Nacional) publicaram uma nota com se eu estivesse dizendo não, e não foi bem assim. Me colocaram como mercenário, e não sou assim. Quem me conheceu sabe que não faria as coisas da maneira como foram publicadas - disse Danilo, na noite desta terça-feira, em entrevista ao GloboEsporte.com.

De acordo com ele, existem sondagens de clubes de São Paulo, mas não há nenhum acordo ou pré-contrato já estabelecido para a próxima temporada. Atualmente no Remo-PA, Danilo Rios teve uma passagem de sucesso pelo clube e se tornou a principal estrela do elenco que fez história na Copa do Brasil 2013, quando o Naça eliminou equipes como Coritiba e Ponte Preta.

- Não houve negociação. Eles me perguntaram o que eu queria, e eu fiz minha proposta. Depois, eles fizeram uma proposta bem abaixo e eu disse que por esse valor não iria. Eles me perguntaram se poderia baixar (a oferta) e disse que dependia deles, também, pois a minha proposta também poderia baixar - emendou, antes de complementar.

Danilo Rios Nacional (Foto: Reprodução/facebook)
Danilo Rios emitiu uma nota em sua página oficial (Foto: Reprodução/facebook)


- A proposta que me fizeram foi praticamente a metade do que eu pedi. Então esperava continuarmos a negociação para chegarmos em algo bom para ambos.

Para Danilo Rios, a nota de esclarecimento foi uma forma de explicar a situação aos torcedores do Nacional pelo qual o meia admite ter respeito e admiração após o carinho recebido desde o momento em que vestiu a camisa do Leão da Vila.

- Quero esclarecer isso porque a torcida gosta de mim. Se eu voltar um dia ou não, não vou deixar que coloquem minha imagem de forma errada - finalizou o meia, que não dá como descartado um retorno, ainda no próximo ano, ao Nacional-AM.

Confira a nota na íntegra:

''Através da minha página oficial no Facebook que venho a público esclarecer -- especialmente perante a torcida nacionalina -- minha posição em relação à notícia veiculada nesta terça-feira, no site oficial do Nacional Futebol Clube, sobre suposta negociação com o clube.

De acordo com a matéria publicada, “após dias de negociação o atleta e o clube não chegaram a um acordo”. Na notícia, o jornalista ainda afirma que já teria assinado contrato com um clube paulista.

É com tristeza, e até certa revolta, que venho me pronunciar acerca de tal matéria, que informa já existir um acerto com um clube do estado de São Paulo. De antemão, já adianto que realmente tenho recebido propostas de alguns clubes para o próximo ano, inclusive clubes paulistas. Mas as negociações não passaram de meras sondagens, até mesmo porque parei de negociar com outras equipes em virtude do respeito e admiração que tenho ao Nacional, com a perspectiva de um possível acerto.

Não houve qualquer acerto com nenhum clube. Também não houve “dias de negociações” com o Nacional. Tudo fora noticiado fora do contexto que realmente aconteceu. De fato, foi feita uma proposta pela diretoria do clube, a qual não me agradou. Fiz uma contraproposta e a diretoria não aceitou, porém ofereceu um valor muito abaixo do valor pedido. Eles sequer tentaram entrar em um acordo ou propuseram entrar em um denominador comum.

Em 2013 tive uma passagem vitoriosa e muito feliz pelo Nacional. Como dito, fui muito feliz e tenho uma relação muito boa com a torcida, direção, imprensa, etc. Fizemos a melhor campanha da história de um clube amazonense na Copa do Brasil. Recebi diversas propostas durante o tempo em que estive no clube, de outras equipes, inclusive para ganhar o dobro do que ganhava, mas preferi ficar até o término do campeonato brasileiro da série D. Fiquei porque me sentia em casa no Nacional e tinha o respeito de todos. Fiquei inclusive quando fui barrado pelo antigo treinador durante boa parte da série D, mas continuei trabalhando da mesma forma e me dedicando ao máximo.

Todos conhecem meu profissionalismo e a seriedade com que sempre tratei todos os clubes em que passei. O comprometimento e a dedicação que tive vestindo a camisa do Nacional, dentro e fora de campo, são lembrados por todos. Torcida, diretoria, comissão técnica, colegas de trabalho e imprensa foram testemunhas diárias nos treinamentos e nos jogos.

Portanto, a negociação com o Nacional Futebol Clube não se concretizou em razão da falta de valorização da diretoria, que sequer tentou chegar a um denominador comum, a negociar um valor que agradasse a ambas as partes, postando essa notícia infundada em seu site oficial sem ao menos ter me consultado.

Desta forma, esclareço tais informações, salientando que houve apenas uma conversa informal com pessoas ligadas á diretoria do clube, na qual, inclusive, reiterei minha vontade de novamente defender a camisa do Naça, clube no qual tive passagem bastante positiva. Minha ida ao Nacional depende apenas da diretoria.

Por fim, afirmo com convicção que sou um atleta sério e compromissado com a minha profissão. Espero ter esclarecido a questão e aproveito para reiterar o meu respeito e gratidão ao Nacional Futebol Clube e à torcida nacionalina, em especial a aqueles que tiveram discernimento para aguardar o meu posicionamento acerca deste assunto, antes de fazerem julgamentos precipitados e equivocados.

Saudações nacionalinas,

Danilo Rios''.

terça-feira, 21 de outubro de 2014

Drenos recebem as mantas/Danilo Rios não vem.

Amigos.

A continuar nesse ritmo, os trabalhos irão encerrar-se antes do previsto, hoje foram colocadas as mantas que protegem os drenos, também foram cobertos com areia e compostos as partes onde foi retirado o solo infectado.

Provavelmente já em dezembro esteja tudo pronto, com isso os jogadores terão o campo à disposição em 02 de janeiro, dia da apresentação dos jogadores e comissão técnica.


Toda a estrutura da empresa que comanda os serviços no C.T estão a disposição dos trabalhos, ainda essa semana, todas as partes escavadas terão recebido nova terra/areia.

Portanto, não há com que se preocupar com relação a falta de campo para os treinamentos.




Danilo Rios (Foto: Frank Cunha)
good by Danilo Rios.
 Que pena, nosso maior craque não mais fará parte do plantel do Nacional, de acordo com o site do Clube, ele não aceitou a contra proposta do Nacional. Lamentamos muito, mas...vida que segue. Boa sorte a ele em seu novo clube.
Até mais...

segunda-feira, 20 de outubro de 2014

Douglas, o cara.

Douglas, o homem dos gols decisivos.
Amigos.

Este moço foi o nosso herói daquele título inédito e inesquecível, não desmerecendo a todos os outros heróis, João Douglas foi decisivo, quando saiu do banco de reservas para nos salvar mais uma vez, fazendo os dois gols do título. Precisávamos de 3 gols, vencemos por 5x1.

Em Manacapuru, também saiu do banco para nos classificar com aquele gol de cabeça naquela raspada, a bola fez um arco e caiu no fundo da rede do Plácido de Castro. A ele, nossa homenagem.

Esperamos repetir a façanha em 2015, que é ganhar o amazonense, seguir ao máximo na Copa do Brasil e chegar as finais da Copa Verde e também estar na série C que é o maior objetivo. Se Deus quiser.
Até mais...

domingo, 19 de outubro de 2014

Naça desiste de Fininho e Edinho.

As torcidas pediram e o Naça atendeu, Fininho e Edinho não mais virão para o Nacional, o motivo é que Fininho foi o pivô da confusão com Leonardo pelo campeonato amazonense dese ano, Edinho também participou e foi junto.

A história todos já conhecem, Léo foi parar no hospital com afundamento do malar num chute recebido pelo mau caráter perverso Nando.

Já pensou se a moda pega? Só virão jogadores escolhidos pelas torcidas? A torcida tem que saber como está o jogador, se está suspenso, machucado, em atividade, se o treinador está de acordo, enfim, são uma série de fatores que envolvem contratações de jogadores. Claro! A torcida tem que cobrar mesmo, quando o time estiver jogando, em atividade, ainda não tem nenhum jogador contratado e o clima já está quente, imagine quando já tiver todo o elenco. 

Por exemplo. Quem monta e escala o time? Achamos que isso pode atrapalhar o clube e o time, até porque tem a diretoria, o diretor executivo, o treinador, que são as pessoas que realmente cuidam disso. Respeitamos as opiniões da torcida, porém, é a diretoria quem toma as decisões. Será que não vai abrir precedentes?

Vamos imaginar que não sejam contratados os jogadores escolhidos pela torcida, e ai? O que irá acontecer?
Miro.